Porque diabos ignoraram Macbeth do Oscar?


Acabei de sair da última sessão que havia de Macbeth em minha cidade e estou abismado com a capacidade da Acadêmica do Oscar de ter ignorado esse filme de suas categorias técnicas. Não estou dizendo que o filme é perfeito, que merecia ter sido indicado a melhor filme, longe disso. Você pode falar tudo de ruim do filme, que o roteiro é cansativo, a direção não funciona muito bem e tudo mais, mas se você falar que a cinematografia desse filme e sua trilha sonora são ruins... você vai caçar briga comigo.

Existe uma lenda muito antiga que diz que todas as adaptações de Macbeth, mesmo algumas sendo bem legais, elas são fracassos enormes de bilheteria. A adaptação da década de 1970 dirigida por Ronan Polanski foi um fracasso mundial, mas não foi exatamente pela história. O diretor estava envolvido em vários processos de pedofilia e agressão naquela época, e isto causou o fracasso do projeto, e não a história de William Shakespeare.

Deixo claro que isto não é uma crítica, é um desabafo. Qualquer premiação do cinema ou da música deve buscar, nos confins do mundo, filmes e cantores excelentes, ou até mesmo partes desses projetos que são boas, para mostrar ao mundo que os que ganham nem sempre são os favoritos. Macbeth passou despercebido pelas premiações e pelo público, justamente por tanto preconceito ligado à história, mas é um filme que merece ser visto por todos aqueles que admiram um bom cinema.

Merecia ser indicado como melhor roteiro adaptado? Não. Claro que não. Mas merecia ter sido lembrado nas categorias técnicas. Como não ficar de queixo caído com aquela fotografia, que mescla muito bem o gelado com o quente, o bem com o mal e a felicidade com o ódio. Como ignorar aquela trilha sonora que bate junto ao peito, e faz tudo aquilo que a direção não conseguiu fazer. Como não se apaixonar mais uma vez por Marion Cotillard como Lady Macbeth?

Se você der uma olhadinha em qualquer site de crítica especializada, você perceberá que o filme não passou em branco por eles. A crítica amou o filme e está aclamando ele desde o seu lançamento, e naquela época havia uma pequena expectativa dele ser lembrado nas premiações, mas não foi. Algumas premiações britânicas lembraram e indicaram o filme para algumas categorias técnicas, mas ele não conseguiu vencer o favoritismo de outros filmes...

Pra vocês terem ideia de como a qualidade técnica do filme é boa, posso comparar e dizer que a fotografia dele está ao mesmo nível de O Regresso, a trilha sonora está tão boa quando a de Os Oito Odiados e a atuação de Marion Cotillard está tão boa quanto a de Brie Larson em O Quarto de Jack... A parte técnica do filme está tão boa que poderia ganhar até mesmo desses indicados citados acima, mudando todo o rumo do favoritismo do Oscar.

Infelizmente, os votantes do Oscar pararam de escolher os melhores filmes do ano para escolher aqueles que eles acham que farão um burburinho maior sobre a Academia. Birdman merecia o Oscar de melhor filme por ser um filme normal e criticar Hollywood? 12 Anos de Escravidão merecia o Oscar por ser, mais uma vez, um filme sobre a escravidão (não estamos falando aqui de sua importância cultura, mas sim de mérito)? É CLARO QUE NÃO.

Acabo de perguntar para uma amiga minha o motivo do filme ser ignorado do Oscar e ela me respondeu com uma palavra, e deu pra ficar bem claro o motivo: "Europeu".

Minha recomendação para você, que está fazendo uma super maratona do Oscar, é: dê uma pausa de duas horas em sua maratona e assista Macbeth. Aqui você verá um filme da mesma qualidade dos indicados Oscar, principalmente na categoria técnica, e pensará duas vezes antes de explicar o que é "justiça no cinema". Injustiça é fácil de explicar, e agora depois deste filme ficou mais fácil ainda; se você falar "Macbeth", todos entenderão o que é injustiça.
Porque diabos ignoraram Macbeth do Oscar? Porque diabos ignoraram Macbeth do Oscar? Reviewed by Maurício Junio on 06:16:00 Rating: 5

Comente com o Facebook:

Tecnologia do Blogger.