Netflix e Spotify ajudam a diminuir a pirataria no Brasil e ganham impostos de presente!


Hoje foi anunciado que o presidente Michel Temer - aquele que a gente não sabe como ainda está lá - sancionou a lei que autorizava empresas como Netflix e Spotify - os serviços de streaming e tudo mais - a pagarem impostos por cada usuário ativo. Este é o presente que as duas empresas ganharam ao diminuir o número da pirataria aqui no Brasil.

Você quer assistir a um filme? Até alguns anos atrás você acessava um site e fazia isso (algo ainda comum, principalmente nas épocas de premiações, onde os cinemas brasileiros enrolam meses para colocarem os filmes em cartaz, mas deixamos isso para outra postagem), mas hoje as coisas mudaram e as pessoas simplesmente ligam a Netflix.

Você queria baixar um CD super aguardado? Antigamente, a gente entrava no torrent da vida e em 10 minutos o álbum estava completo em seu celular. Hoje, com apenas alguns cliques, o álbum oficial, original e legalmente comercializado está disponível em qualquer celular dos assinantes, por meio do Spotify ou do Apple Music. Ah, e nem todo mundo precisa pagar, só se quiser.

Entretanto, o governo viu as duas empresas como ameaças, justamente por não pagarem os impostos extremamente caros que eles cobram de tudo. Afinal, quando alguma empresa oferece um serviço de qualidade e com um bom preço, as grandes empresas ficam bravas, e como este governo é basicamente governado por elas... quem sofre é a gente.

A Netflix e o Spotify são apenas duas das várias empresas de streaming que serão afetadas pelos impostos. Na verdade, os mais afetados serão os usuários, que verão os preços das assinaturas aumentando um pouco mensalmente - cerca de 9% por serviço. Mas diante de todas as injustiças que os brasileiros estão vivendo atualmente, esta é uma que podemos considerar... pequena.
Netflix e Spotify ajudam a diminuir a pirataria no Brasil e ganham impostos de presente! Netflix e Spotify ajudam a diminuir a pirataria no Brasil e ganham impostos de presente! Reviewed by Maurício Junio on 15:13:00 Rating: 5

Comente com o Facebook:

Tecnologia do Blogger.